Transporte de ônibus por aplicativo oferecidos pela startup catarinense 4Bus acelera



Confortável, com preço acessível e mais ecológico. Esses são os principais diferenciais do transporte de ônibus por aplicativo como os serviços oferecidos pela startup catarinense 4Bus (lê-se em inglês, Four Bus) e a empresa paulista Buser, também conhecidas como “Uber de ônibus”. No mercado há apenas 48 dias, a 4Bus está surpresa com a expansão acelerada.

Desde a estreia até agora, seu aplicativo foi baixado por 47 mil usuários e mais de 6 mil passageiros foram transportados no período, informa o presidente da empresa, Nilton Pacheco. A meta para o final deste ano é 450 mil usuários no aplicativo e atendimento a mais de 100 mil passageiros, adianta ele.


Público jovem


Chama a atenção também o perfil dos usuários. É o público bem informado, com curso superior ou pós-graduado, maioria na faixa etária entre 25 anos e 35 anos, que busca serviço de qualidade, preço acessível e quer colaborar com a preservação do meio ambiente, revela Pacheco.


Segundo ele, estatísticas nacionais e internacionais apontam que o transporte coletivo é a alternativa para a mobilidade. Cada ônibus de fretamento circulando retira 23 automóveis das ruas, o que melhora o tráfego e reduz a emissão de poluentes na atmosfera.


- O negócio deu tão certo que destinos como Florianópolis-Porto Alegre já conta com seis ônibus por dia. A maioria é turista que deixa o automóvel em casa, vem de ônibus pelo custo menor. Em média, o custo é 60% mais barato que o transporte de ônibus convencional – informa Nilton Pacheco.


Expansão no país


Com matriz no parque tecnológico Vila Schlösser, em Brusque, a 4Bus tem sede operacional em São José, na Grande Florianópolis, de onde oferece viagens para Porto Alegre, Chapecó, Joinville, São Paulo, Curitiba e Serra Gaúcha. Além disso, tem atuação também no Nordeste, Pará e Maranhão. Em fevereiro, a startup vai oferecer mais rotas no Nordeste partindo de Vitória, no Espírito Santo com destino para a Bahia e Pernambuco. Também vai crescer no interior de São Paulo.


Reação do transporte


Quando surgiu a oferta dos ônibus por aplicativo, seguindo a trilha do Uber, empresas de transporte coletivo intermunicipal e interestadual criticaram os serviços. Mas diante da crescente preferência do consumidor pela opção tecnológica, começaram a oferecer serviços semelhantes. Segundo Nilton Pacheco, entre esses serviços estão a redução dos preços, venda de passagens por internet e embarque de passageiros fora das rodoviárias.


Ênfase na segurança


Para melhor enfrentar críticas da concorrência e conquistar a confiança dos usuários, o transporte de ônibus por aplicativo atua com autorização da Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT) e dá ênfase à segurança.


- Os serviços são prestados por empresas de turismo conceituadas, a idade média da frota é de 5 anos, a manutenção dos veículos é feita somente nas concessionárias das respectivas montadoras – explica Pacheco.


Serviços aos passageiros


Quem viaja com ônibus de aplicativo conta com vários serviços. A lista inclui internet, streaming, água mineral, ar condicionado ecológico (que não emite gases que formam o efeito estufa) e banheiro ecológico. Há também um kit de primeiros socorros com analgésico e medicamento para quem sofre de enjoo durante a viagem. Cerca de 70% das viagens são noturnas e a de maior duração é Florianópolis-São Paulo, de 10 horas.


Por Estela Benetti

Receba nossas atualizações

  • Instagram - White Circle
  • Ícone do Facebook Branco

© 2019