3321-04-CALEBE-CAMBORIU-NOTICIAS-900x150.jpg

Camboriú orienta sobre adesão ao SISS-Geo do Sistema de Informação em Saúde Silvestre



Devido aos últimos acontecimentos relacionados a Febre Amarela, os profissionais da Saúde de Camboriú estão orientando os munícipes que residem aos redores de mata a aderirem ao uso do aplicativo do Sistema de Informação em Saúde Silvestre (SISS-Geo), realizado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e Ministério da Saúde.


Segundo o coordenador de Endemias, Pedro Augusto de Mendonça, esta medida se faz necessária e os agentes estão atuando principalmente com os moradores dos arredores das margens de mata. “Esse aplicativo vem a somar aos trabalhos que realizamos de combate e prevenção a Febre Amarela, por isso, é muito importante que a comunidade participe e o baixe no aparelho celular, pois ele é gratuito, nos auxilia no monitoramento e funciona inclusive sem internet”, explica.


A secretária de Saúde, Elisama Freitas reforça que o compromisso é com a saúde, por isso, por meio do aplicativo, a Vigilância Epidemiológica terá as informações repassadas pelos usuários de maneira instantânea e compartilhada com os órgãos de monitoramento de Febre Amarela do Ministério da Saúde. “É muito importante reforçar que o mesmo mosquito Aedes Aegypti que transmite a Dengue, também é o transmissor da Febre Amarela, ou seja, quanto mais trabalharmos unidos na prevenção, mais conseguiremos combater essa doença”, pondera.


Sobre o SISS-Geo


Este sistema é uma plataforma computacional essencial e inerente ao funcionamento do Centro de Informação em Saúde Silvestre (CISS). Qualquer pessoa pode ter acesso ao aplicativo por meio do celular, que já está disponível para download na Apple Store e no Google Play. A população que avistar macaco doente ou morto, pode informar via o SISS-Geo.


O aplicativo SISS-Geo foi elaborado para que se possa registrar, online ou offline, as observações de maneira rápida, contribuindo de forma direta com a construção de um sistema de utilidade pública para prevenção de doenças, em animais e em pessoas.


O aplicativo permite o envio de informações sobre os animais, sua localização, características do ambiente e fotos, além do registro de sugestões, dúvidas e até mesmo críticas ao sistema.

whatscamboriu.png
3319 - 10 - WEB BANNER - CALEBE - 960x960.jpg